Arquitetura e Cidade

Ano
1
Ano lectivo
2022-2023
Código
01020616
Área Científica
Arquitetura
Língua de Ensino
Português
Modo de Ensino
Presencial
Duração
Semestral
Créditos ECTS
3.0
Tipo
Obrigatória
Nível
1º Ciclo - Licenciatura

Conhecimentos de Base Recomendados

Não aplicável.

Métodos de Ensino

Aulas teóricas com projeções multimédia.

 A avaliação incidirá sobre Trabalhos de Grupo e individuais (um de cada) acerca das matérias dadas nas aulas.

Haverá também lugar a teste de frequência.

Só quem tiver aproveitamento mínimo na avaliação de frequência (igual ou superior a 9/20) poderá fazer o exame final.

O peso relativo de cada uma destas componentes para a avaliação final é a seguinte:

Trabalho de Grupo – 20%;

Trabalho individual – 40%;

Testes de Frequência – 40%.

Resultados de Aprendizagem

Numa primeira abordagem ao mundo da Arquitetura, o objetivo fundamental a atingir pelos alunos ao longo do semestre é, de um modo mais genérico, a compreensão do espaço através da sua organização, da sua composição e do seu significado cultural. Nesse contexto, a questão da cidade desempenha, como sempre desempenhou, um papel fundamental. Perante os desafios que o mundo enfrenta, os objetivos passam pois pela compreensão do papel da cidade na contemporaneidade. Para isso propõe-se o seu estudo do ponto de vista ontológico, cultural, social e político e a verificação, na atualidade, de quais as suas reais potencialidades e quais as ameaças que se lhe colocam. Através da abordagem de temas propedêuticos da cultura urbana e do estudo de exemplos significativos da história da Arquitetura e da Cidade, pretende-se motivar os alunos que chegam à faculdade para um aprofundamento dos conhecimentos, habilitando-os ao exercício da crítica fundamentada e à geração de critérios seletivos.

Estágio(s)

Não

Programa

O programa aborda temas propedêuticos da cultura arquitetónica e urbana, através de exemplos históricos significativos. A matéria de estudo, a cidade, é apresentada sempre, de modo simples e tangível, enquanto habitat humano inserido num processo histórico e social. É devidamente enquadrada com as manifestações culturais que lhe estão associadas. Nesse sentido, e embora sejam fornecidas cronologias que permitam alinhar sequencialmente os dados, a matéria pode ser apresentada de modo não diacrónico.

O programa estabelece-se de acordo com uma estrutura repartida por módulos:

A Cidade na época Pré-Clássica

A Cidade da época clássica

Reformas urbanas do Século XV

Refundação da Pureza, Elemento e Sistema

Produção industrial, comércio e cidade

Metrópole, subúrbio e organização da produção

Vanguardas e Manifestos

Reforma Urbana entre Guerras

Internacionalismos e especificidades

Percursos e contingências de proximidade

A crise ontológica, novos desafios para a cidade.

Docente(s) responsável(eis)

José António Oliveira Bandeirinha

Métodos de Avaliação

Avaliação
Trabalho de Grupo: 20.0%
Testes de Frequência: 40.0%
Trabalho individual: 40.0%

Bibliografia

AURELI, Pier Vittorio (Ed.), The City as a Project, Berlin, Ruby Press, 2013.

BANDEIRINHA, J.A., CORREIA, L.M., MOTA, Nelson (Ed.). Joelho. 8. Ideas and Practices for the European City. 2017.

BENEVOLO, Leonardo, As Origens da Urbanística Moderna, Lisboa, Presença, 1994.

BENEVOLO, Leonardo, The European City, London, Wiley Blackwell,1998.

BERGDOLL, Barry, European Architecture 1750-1890, New York: Oxford University Press, 2000.

MUMFORD, Lewis, A Cidade na História: suas origens, transformações e perspectivas, São Paulo, Martins Fontes, 1998 [1ª ed. 1961].

ROSSI, Aldo, A Arquitectura da Cidade, Lisboa, Edições Cosmos, 1977 [1ª. ed. 1966].

TAFURI, Manfredo, DAL CO, Francesco, Architettura Contemporanea, Milano, Electa Editrice, 1979 (2 Vols.).

TÁVORA, Fernando, Da organização do espaço, Porto, FAUP Publicações, 1996.