Arte da Performance

Ano
0
Ano lectivo
2018-2019
Código
01012725
Área Científica
Área Científica do Menor
Língua de Ensino
Português
Modo de Ensino
Presencial
Duração
Semestral
Créditos ECTS
6.0
Tipo
Opcional
Nível
1º Ciclo - Licenciatura

Conhecimentos de Base Recomendados

NA

 

Métodos de Ensino

A metodologia de ensino será fundamentalmente de natureza teórico-prática, envolvendo por isso a leitura e comentário crítico de textos, bem como a análise de criações performativas, recorrendo a uma grande diversidade de suportes e arquivos documentais, com especial atenção aos arquivos fotográficos e arquivos vídeo disponíveis em plataformas de referência. Será realizado um teste escrito presencial. Os trabalhos em aula incluem ainda a apresentação em aula uma performance histórica e justificação da sua escolha, bem como a concepção e apresentação de projeto de performance. 

Resultados de Aprendizagem

- Compreender o processo de emergência da Arte da Performance no contexto das vanguardas históricas;

- Conhecer e descrever os principais movimentos, tendências e criadores que fazem parte desta forma de arte;

- Diferenciar a linguagem e os procedimentos próprios da Arte da Performance;

- Identificar a tradição performativa em contexto português;

- Ser capaz de analisar e criticar uma performance;

- Desenvolver capacidades de pesquisa autónoma no que diz respeito ao arquivo da performance; 

- Compreender a relação entre performance e documentação;

- Experimentar a criação performativa através da concepção de um projeto de performance.

Estágio(s)

Não

Programa

O curso apresenta-se como um estudo monográfico sobre a Arte da Performance. Começa por fazer uma história breve desta arte nova, desde a sua emergência, no âmbito do modernismo e das vanguardas, até à sua consolidação e diversificação, dos anos 60 até à atualidade. Ao longo deste percurso, incluindo a sua dimensão internacional e nacional, serão sistematizadas as principais tendências e movimentos, com destaque para a formação de linguagens e tradições performativas, como a poesia sonora, o manifesto poético, o happening, a body art, a instalação performativa, a performance multimédia, a foto-performance, entre outras. Num segundo momento serão analisadas algumas das principais consequências da Arte da Performance no âmbito da produção de sentido, nomeadamente quanto à reconfiguração do processo de criação e recepção de um evento ao vivo, reflectindo sobre os conceitos de presença, liveness, embodiement, experimentação, simultaneidade e intermedialidade.

Docente(s) responsável(eis)

Fernando Matos de Oliveira

Métodos de Avaliação

Avaliação
Projecto: 20.0%
Trabalho de síntese: 20.0%
Outra: 20.0%
Frequência: 40.0%

Bibliografia

COHEN, Renato (1980) Performance como Linguagem. São Paulo: Col. Debates, Perspectiva.

FERRANDO, Bartolomé (2013) Arte y cotidianeidad. Hacia la transformación de la vida en arte, Madrid, Árdora Ediciones.

GOLDBERG, RoseLee (2004) Performance: Live Art Since the '60s, London, Thames & Hudson.

GOLDBERG, RoseLee (2012) A Arte da Performance, 2ª edição, Lisboa, Orfeu Negro [1979].

GLUSBERG, Jorge (2005) A Arte da Performance, S. Paulo. Ed. Perspectiva.

HOWELL, Anthony (1999) The Analysis of Performance Art, London, Routledge.