Programação Cultural

Ano
0
Ano lectivo
2018-2019
Código
01012539
Área Científica
Área Científica do Menor
Língua de Ensino
Português
Modo de Ensino
Presencial
Duração
Semestral
Créditos ECTS
6.0
Tipo
Opcional
Nível
1º Ciclo - Licenciatura

Conhecimentos de Base Recomendados

NA

Métodos de Ensino

Componente expositiva, em sessões de debate sobre conteúdo e sobre textos previamente indicados aos alunos e na apresentação e discussão de planificações de programação elaboradas pelos alunos.

Resultados de Aprendizagem

No final do semestre o aluno deverá estar habilitado a elaborar um projecto no âmbito da programação cultural, com a definição de objectivos, actividades integrantes, orçamento, concepção de comunicação e marketing e faseamento da sua realização.

Estágio(s)

Não

Programa

I - Introdução

1. De que falamos quando falamos de cultura em programação cultural?

2. De que falamos quando falamos de programação em programação cultural?

3. Programação cultural e políticas culturais

4. Programar para uma sociedade multicultural

5. Perfil e competências do programador cultural

II – Objetivos, definições e tipologias

1. Objetivos da programação cultural

2. Tipos de iniciativas culturais a partir dos agentes envolvidos, dos destinatários e dos espaços

3. Áreas de programação

4. Elementos que integram um programa de intervenção cultural: o plano, os programas, os projetos e as actividades.

5. Tipos de programação

III – Programação cultural, organização e produção de projetos

1. Elaboração de projetos culturais

2. Aspetos orgorganizativos

3. Cronogramas de programas de intervenção cultural

4. Orçamentação

5. O Marketing na programação cultural

6. O balanço dos projetos de programação cultural

7. Quadro legislativo da actividade cultural e artística

Docente(s) responsável(eis)

João Maria Bernardo Ascenso André

Métodos de Avaliação

Avaliação
Trabalho de síntese: 20.0%
Mini Testes: 30.0%
Projecto: 50.0%

Bibliografia

ADORNO, T. Sobre a indústria da cultura, A. Novus, 2003

BAUMAN, Z. Vida líquida, Zahar, 2007

BOVONE, L. “Os novos intermediários culturais”. Celta, 2001

CUCHE, D. A noção de cultura em ciências sociais, Fim Século, 2004

FERREIRA, C. "Intermediários culturais e cidade". Almedina CES, 2009

FISCHER-LICHTE, E. "A cultura como 'performance' ". Sinais Cena, 4(2005)

FORTUNA, C. e SILVA, A. S. “A cidade do lado da cultura”. Afront., 2002

HUGHES, H. Artes, entretenimento e turismo, Roca, 2004

KOTLER, P. e SCHEFF, J. Marketing de las Artes Escénicas, F. Autor, 2004

LÓPEZ DE AGUILETA, Y. Cultura y ciudad. Manual de política cultural municipal, Trea, 2000

PÉREZ MARTÍN, M. Gestión de proyectos escénicos, Madrid, Ñaque, 2002.

RIBEIRO, A. Pinto – Questões permanentes. Lisboa, Livros Cotovia, 2011.

ROSELLÓ CEREZUELA, D. Diseño y evaluación de proyectos culturales, Ariel, 2005

XAVIER, A. As leis dos espetáculos e direitos autorais, Almedina, 2002