Avaliação de Processos, Organizações e Políticas Educativas

Ano
1
Ano lectivo
2019-2020
Código
02024101
Área Científica
Ciências da Educação
Língua de Ensino
Português
Modo de Ensino
Presencial
Duração
Semestral
Créditos ECTS
6.0
Tipo
Obrigatória
Nível
2º Ciclo - Mestrado

Conhecimentos de Base Recomendados

Domínio das concepções, modalidades e metodologia de referencialização e dos modelos de planeamento e avaliação de projectos educacionais.

Métodos de Ensino

Método expositivo e trabalhos de grupo com recurso a meios audiovisuais e informáticos. As aulas fundamentalmente de cariz teórico-prático, de natureza dialógica e argumentativa, incluindo a exposição de temas e a orientação na realização, pelos estudantes, de momentos de problematização, reflexão e integração de conhecimentos a partir de textos e pesquisas com vista à (re)construção de referenciais em diferentes âmbitos da avaliação educacional.

Resultados de Aprendizagem

A unidade curricular de Avaliação de Processos, Organizações e Políticas Educativas visa aprofundar o conhecimento científico no domínio da avaliação educacional e desenvolver a capacidade de intervenção ao nível das suas diferentes práticas.

Nesta unidade curricular pretende-se que os estudantes:

- Analisem de forma crítica os domínios mais significativos relativos às práticas de avaliação de alunos, de avaliação do desempenho de professores, de avaliação de escolas, de avaliação de projetos curriculares, sócio-educativos e comunitários, de avaliação de processos de formação e de avaliação de políticas educativas;

- Reflitam sobre a (re)construção de referenciais avaliativos nos diferentes domínios da avaliação educacional.

Estágio(s)

Não

Programa

Desenvolvimento de conhecimentos e reflexão crítica sobre o quadro de referência da avaliação educacional, tendo em conta o contexto e características, pontos fortes, desafios e recomendações em alguns níveis de análise.

Sistema de avaliação. Testes nacionais e internacionais (PISA).

Avaliação de alunos. Desde os testes padronizados nacionais à avaliação formativa em sala de aula.

Avaliação de professores e de processos de formação. Sistema nacional de avaliação de desempenho.

Avaliação de escolas. Avaliação externa pela Inspecção Geral de Educação e Auto-avaliação.

Avaliação de projetos sócio-educativos e comunitários e avaliação de políticas educativas.

Docente(s) responsável(eis)

Carlos Manuel Folgado Barreira

Métodos de Avaliação

Avaliação contínua
Frequência: 50.0%
Projecto: 50.0%

Avaliação final
Exame: 100.0%

Bibliografia

Fernandes, D. (2004). Avaliação das Aprendizagens: uma agenda, muitos desafios. Lisboa: Texto Editora.

Jolland, M. (2001). L'évaluation des politiques éducatives: regard externe et processus interne. In Gérard Figari & Mohammed Achouche (Eds.), L' Activité Évaluative Réinterrogée (pp. 276-279). Bruxelles: De Boeck.

Lima, J. (2008). Em busca da boa escola instituições eficazes e sucesso educativo. Gaia: F.M. Leão.

OCDE (2012). Reviews of evaluation and assessment in education: Portugal – Main conclusions. Paris

Salgueiro, A., Marcos, A., Barreira, C. et al. (2013). Avaliacão do desempenho docente. Compreender a complexidade, sustentar a decisao. Mangualde: De Facto Editores.

Bidarra, G., Barreira, C., Vaz-Rebelo, P., & Alferes, V. (2014). Relatórios de avaliação externa. Da análise das redundâncias à ponderação diferencial dos resultados no primeiro ciclo de avaliação. In J Pacheco (ed.). Avaliação externa de escolas: Quadro teórico/conceptual (pp. 229-246). Porto Editora.