Gestão e Pessoas

Ano
3
Ano lectivo
2019-2020
Código
01620346
Área Científica
Gestão
Língua de Ensino
Português
Outras Línguas de Ensino
Inglês
Modo de Ensino
Presencial
Créditos ECTS
6.0
Tipo
Opcional
Nível
1º Ciclo - Licenciatura

Conhecimentos de Base Recomendados

Leitura fluente em inglês.

Métodos de Ensino

O método participativo da unidade curricular pretende criar condições para que os alunos saibam usar os conhecimentos teóricos. Em particular, os trabalhos individuais e de grupo são apresentados e discutidos de forma a garantir que os estudantes alcancem uma compreensão real das questões teóricas desenvolvidas.

Resultados de Aprendizagem

Objetivos gerais

Compreender os princípios da gestão de potencial humano para a performance nos setores público, privado e social; distinguindo grandes empresas de PMEs e organizações fordistas das pós-fordistas; valorizando o significado dos fatores socias e culturais para e nas relações de emprego, muito em particular no que se refere ao contrato psicológico, ao desenvolvimento individual e grupal e às trajetórias partilhadas de competências nos contextos de competitividade, melhoria continua e aprendizagem organizacional e operacional

Objetivos específicos

Os estudantes devem reflectir e identificar de uma forma crítica a relação entre a teoria/política e a práctica/procedimentos de gestão no que se refere a pessoas num mundo em que a flexibilidade e criatividade são cada vez mais importantes.

Competências genéricas

Capacidade de análise e de síntese, capacidade de comunicação oral e escrita, conhecimentos de inglês, capacidade de trabalho em grupo.

Estágio(s)

Não

Programa

1) Dinâmica da mudança do contexto global e local da gestão de pessoas;

2) Integração da visão estratégica e da gestão de linha;

3) Diferenças significativas entre paradigmas Fordistas- Weberianos e Pós-Fordistas;

4) Diferença entre princípios subjacentes aos modelos japoneses, americanos e europeus.

5) Políticas e prácticas para: (a) competência: recrutamento e selecção; formação e desenvolvimento; b) motivação: avaliação de desempenho; recompensas financeiras; feedback e voice; (c) oportunidades de dar contributo: concepção do papel e responsabilidade no trabalho; sistemas de envolvimento e comunicação; e (d) identificação: promoção interna; segurança no trabalho e contracto psicológico.

6) Resultados para: (a) mudança de atitudes no compromisso organizacional, satisfação no trabalho, percepção de justiça procedimental e distributiva, e equilíbrio vida-trabalho; (b) implicações comportamentais para o esforço, sentido de cidadania organizacional, e intenções de ficar ou sair.

Docente(s) responsável(eis)

Teresa Carla Trigo de Oliveira

Métodos de Avaliação

Avaliação Final
Exame: 100.0%

Avaliação Continua
2 Teste : 40.0%
Trabalhos de Grupo e participação nas discussões e trabalhos desenvolvidos nas aulas : 60.0%

Bibliografia

Abo, Tetsuo (1994) ( Ed.) Hybrid Factory: The Japanese Production System in The United States, Oxford, Oxford University Press

Beardwell, Ian; Holden, Len & Claydon, Tim (2004) (eds.).  Human Resource Management: a Contemporary Perspective, 4th Edition.  Financial Times/Prentice Hall.

Cascio, Wayne.  (1998) Managing Human Resources: Productivity, Quality of Work Life, Profits, 5th ed., New York, McGraw-Hill.

Coyle-Shapiro, J. A-M.; Shore, Lynn M. ; Taylor, M. Susan & Lois E. Tetrick (eds.) (2005). The Employment Relationship: Examining Psychological and Contextual Perspectives, Oxford, Oxford University Press

Guion, R.M. (2011). Assessment, Measurement and Prediction for Personnel Decisions.  Psychology Press.

Neil, Conway & Briner, Rob (2005).  Understanding Psychological Contracts at Work: A Critical Evaluation of Theory and Research, Oxford, Oxford University Press

Shore, L., Coyle-Shapiro, J. A-M. and Tetrick, L.E. (2012). The Employee-Organization Relationship. Psychology Press.