a carregar...

Doutoramento em Geologia

Departamento de Ciências da Terra

abrir site outros cursos
Ano lectivo

2017-2018

Código DGES

5162

Tipo de Curso

3º Ciclo - Doutoramento

Qualificação Atribuída

Doutor

Duração

6 Semestre(s)

Créditos ECTS

180.0

Propina Anual

2750.0 €

Coordenador(es) do Curso

Pedro Manuel Rodrigues Roque Proença Cunha (pcunha@dct.uc.pt)

Objetivos Gerais do Curso
O Programa de Doutoramento em Geologia visa proporcionar aos doutorandos, quer nacionais, quer estrangeiros,
um sólido enquadramento institucional, metodológico e de formação científica avançada em Geologia, capaz de os
habilitar à realização de trabalho científico de qualidade e de os integrar nas redes internacionais de conhecimento.
O Programa de Doutoramento em Geologia tem como objectivos genéricos formar geólogos altamente
especializados, que demonstrem:
a) Capacidade de compreensão sistemática da Geologia;
b) Competências, aptidões e métodos de investigação próprios da Geologia;
c) Capacidade para conceber, projectar, adaptar e realizar uma investigação significativa respeitando as exigências
impostas pelos padrões de qualidade e integridade académicas;
d) Ter realizado um conjunto significativo de trabalhos de investigação original que tenha contribuído para o
alargamento das fronteiras do conhecimento em Geologia, que mereça a divulgação nacional e internacional em
publicações com comité de selecção;
e) Ser capazes de analisar criticamente, avaliar e sintetizar ideias novas e complexas;
f) Ser capazes de comunicar os resultados do seu trabalho com os seus pares, a restante comunidade académica e
a sociedade em geral;
g) Ser capazes de, numa sociedade baseada no conhecimento, promover, em contexto académico e/ou
profissional, o progresso científico, tecnológico, social e cultural.Competências a desenvolver pelos estudantes:
- Competências Instrumentais em: analise e síntese; comunicação oral e escrita; organização e planificação;
informática relativa ao objecto em estudo; resolver problemas; capacidade de decisão.
- Competências Pessoais em: trabalho de grupo; raciocínio crítico; compreender a linguagem de outros
especialistas; comunicar com pessoas não especialistas na área; trabalho em contexto internacional; trabalho em
equipas interdisciplinares.
- Competências Sistémicas em: aprendizagem autónoma; preocupação com a qualidade; aplicar na prática os
conhecimentos teóricos; investigar; criatividade; iniciativa e espírito empreendedor; planear e gerir; em autocrítica
e autoavaliação.
Objetivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver
Competências Instrumentais em: analise e síntese; comunicação oral e escrita; organização e planificação; informática relativa ao objecto em estudo; resolver problemas; capacidade de decisão. Competências Pessoais em: trabalho de grupo; raciocínio crítico; compreender a linguagem de outros especialistas; comunicar com pessoas não especialistas na área; trabalho em contexto internacional; trabalho em equipas interdisciplinares. Competências Sistémicas em: aprendizagem autónoma; preocupação com a qualidade; aplicar na prática os conhecimentos teóricos; investigar; criatividade; iniciativa e espírito empreendedor; planear e gerir; em autocrítica e auto-avaliação.
Regime de Estudo
A tempo integral, diurno e com regime presencial
Acesso a um Nível de Estudos Superior
Não aplicável
Condições de Acesso e Ingresso

1. Podem candidatar-se ao acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de doutor:
a) Os titulares do grau de mestre ou equivalente legal;
b) Os titulares do grau de licenciado, detentores de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra;
c) Os detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
2 - O reconhecimento a que se referem as alíneas b) e c) do n.º 1 tem como efeito apenas o acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de doutor e não confere ao seu titular a equivalência ao grau de licenciado ou mestre, ou o seu reconhecimento.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Reconhecimento da Aprendizagem Prévia
É reconhecida a formação prévia do candidato de acordo com os requisitos apresentados no ponto h, podendo ser concedidas creditações no acto de admissão.
Enquadramento Legal da Qualificação
A qualificação tem enquadramento no despacho de criação em D.R. II Série, no Despacho 18/94 de 17-05. A redacção teve por base o Decreto Lei 74/2006 alterado pelo DL 107/2008 (artigos 61 – 63) e Despacho nº 7287-B/2006 (2ª série).|
Saídas Profissionais
O Doutoramento em Geologia forma geólogos altamente especializados, com capacidade de compreensão sistemática da Geologia e que obtêm competências, aptidões e adequado uso de métodos de investigação próprios da Geologia. Ficam habilitados a conceber, projectar, adaptar e realizar uma investigação significativa respeitando as exigências impostas pelos padrões de qualidade e integridade académicas.
Estará apto a exercer actividade profissional de investigação, de direcção, de projecto, de prospecção e de planeamento em organismos estatais e privados.
Regras de Avaliação e Classificação
Sendo a avaliação uma atividade pedagógica indissociável do ensino, destina-se a apurar as competências e os conhecimentos adquiridos pelos estudantes, o seu espírito crítico, a capacidade de enunciar e de resolver problemas, bem como o seu domínio da exposição escrita e oral. São admitidos a provas de avaliação os estudantes inscritos nas respetivas unidades curriculares no ano letivo a que as provas dizem respeito e, simultaneamente, inscritos nessas provas, quando tal inscrição for necessária, nos termos do nº 6 do artigo 4º do Regulamento Pedagógico da Universidade de Coimbra. Entendem-se por elementos de avaliação os seguintes exemplos: Exame escrito ou oral, testes, trabalhos escritos ou práticos, bem como projetos, individuais ou em grupo, que poderão ter de ser defendidos oralmente e a participação nas aulas. A avaliação de cada unidade curricular pode incluir um ou mais dos elementos de avaliação indicados anteriormente. A classificação de cada estudante, para cada unidade curricular, traduz-se num valor inteiro compreendido entre 0 e 20 valores e consideram-se aprovados os estudantes que obtiverem a classificação final mínima de 10 valores. Sempre que a avaliação de uma unidade curricular compreenda mais do que um elemento de avaliação, a nota final é calculada a partir das classificações obtidas em cada elemento de avaliação, através de uma fórmula tornada pública na ficha de unidade curricular, nos termos do nº 2 do artigo 7.º do RPUC.
Requisitos para Obtenção da Qualificação

Um estudante termina o Curso de Doutoramento quando tiver obtido os créditos necessários para satisfazer pelo menos uma das tabelas de estrutura curricular associadas ao curso.

Plano de Estudos
Percursos
Avisos de Abertura
Calendário
1º Semestre
Data de início: 11-09-2017
Data de fim: 21-12-2017
2º Semestre
Data de início: 05-02-2018
Data de fim: 30-05-2018
Acreditações
- A3ES
Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior
Período(s)
  • 2011-12-12
R/A-Ef 1531/2011 - DGES
Direcção Geral de Ensino Superior
Período(s)
  • 2011-03-18