Mestrado em Gestão da Mobilidade Urbana

Entidade parceira: Universidade do Porto

Objetivos do Curso

O ciclo de estudos proposto pretende criar uma oferta formativa na área da especialização em Mobilidade Urbana respondendo a uma lacuna formativa do mercado nacional. O curso é vocacionado para a transmissão de conhecimentos nos domínios específicos do Planeamento do território, dos transportes e da Gestão integrada da mobilidade em meio urbano, assentes em políticas, princípios e estratégias inovadoras e de sustentabilidade. Estas temáticas são focadas nos Problemas Urbanos e Metropolitanos, dando-se ainda atenção à mobilidade inter-municipal em territórios de “baixa densidade” (à escala das Comunidades Intermunicipais).
O curso destina-se a desenvolver competências de resolução de problemas reais concretos, com recurso a modelos de referência internacional e aos normativos e recomendações técnicas atuais. Pretende-se que os estudantes adquiram uma sólida formação de base, potenciando-os de uma vantagem competitiva para a sua inserção no mercado de trabalho, nacional e internacional.

Condições de Acesso e Ingresso

• Titulares do grau de licenciado ou equivalente, em Engenharia Civil, Engenharia do Ambiente, Arquitetura, Engenharia Geográfica, Planeamento do Território ou áreas afins. Podem ainda candidatar-se titulares do grau de licenciado ou equivalente de cursos que exigem a disciplina de Matemática A na candidatura ao Ensino Superior.
• Titulares de um grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos em área adequada (Engenharias Civil, do Ambiente, Geográfica, ou Arquitetura, Planeamento do Território ou áreas afins) organizado de acordo com o Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo, ou que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo órgão científico estatutariamente competente;
• Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico estatutariamente competente.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Saídas Profissionais

Por se tratar de um Mestrado de Especialização Avançada, é expectável que muitos dos estudantes que frequentem o ciclo de estudos estejam já inseridos no mercado de trabalho, pelo que a sua perspetiva não será a de uma nova saída profissional mas sim a de valorização dos conhecimentos e a de potenciar a sua própria competitividade na área específica de atuação. Face ao expectável incremento da necessidade de gestão dos transportes em domínio urbano, resultante designadamente da necessidade recente das Autarquias Locais e das Comunidades Intermunicipais (CIM) desenvolverem os seus Planos de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS), espera-se que a formação destes estudantes represente uma aposta na qualificação do capital humano com atividade neste setor. Esta mudança de paradigma exige uma formação contínua e avançada dos técnicos quer das entidades gestoras e fiscalizadoras, de operadores de transportes coletivos quer ainda de empresas públicas ou privadas no sector dos transportes.

Regime de Estudo

Diurno, Regime de tempo integral e Presencial

Língua(s) de Aprendizagem / Avaliação

Português

Regras de Avaliação

As regras de avaliação são definidas, para cada unidade curricular, de acordo com os Regulamentos Pedagógicos das duas Universidades. Em todas as unidades curriculares, a classificação final será de 0 a 20 valores, sendo considerado aprovado o estudante que obtenha classificação superior a 10 valores.

Objetivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver

Pretende-se que, no final do ciclo de estudos, os tenham fortalecido a capacidade de compreensão e de atuação sobre o sistema de transportes, e tenham desenvolvido competências que lhes permitam:
- Reconhecer, identificar e caracterizar problemas de funcionamento de um sistema de transportes;
- Perceber e estimar os impactes que decisões ao nível do planeamento do território possam assumir no desempenho do sistema de transportes;
- Definir estratégias e técnicas de intervenção que possibilitem melhorar o modo de funcionamento integrado dos sistemas de transportes;
- Conceber, dimensionar, construir e fiscalizar diferentes elementos infraestruturais;
- Propor e avaliar o desempenho integrado de diferentes soluções alternativas, numa ótica integrada de fluidez, segurança e emissões ambientais;
- Promover o trabalho em equipa com formações e valências pluridisciplinares;
- Desenvolver a capacidade de investigação no domínio da Mobilidade Urbana.

Coordenador de mobilidade

João Carlos dos Santos Alves Vieira
jvieira@dec.uc.pt

Reconhecimento da Aprendizagem Prévia

Se solicitado pelo estudante, será avaliada a possibilidade de creditação de aprendizagem prévia relevante (profissional ou académica), de acordo com os Regulamentos de Creditação de Formação Anterior e de Experiência Profissional das duas Universidades, sem prejuízo da obrigatoriedade de realização da unidade curricular “Dissertação”.

Enquadramento Legal da Qualificação

A obtenção do grau de Mestre é atribuída de acordo com o DL 74/2006, de 24 de março, com as posteriores alterações

Requisitos para Obtenção da Qualificação

Para obter o grau de Mestre, o estudante deverá obter aprovação em todas as unidades curriculares obrigatórias (12 unidades curriculares) do ciclo de estudos (60 ECTS) e na dissertação (30 ECTS).

Acesso a um Nível de Estudos Superior

Ao conferir o grau de mestre, este ciclo de estudos permite o acesso a estudos do 3º ciclo, limitado ao quadro de condicionantes definido por cada programa doutoral.

Plano de Estudos

Gestão da Mobilidade Urbana

Ano lectivo
2018-2019

Tipo de Curso
2º Ciclo - Mestrado de Especialização Avançada

Código DGES: M996

Qualificação Atribuída: Mestre

Duração: 3 Semestre(s)

Créditos ECTS: 90.0

Categoria: Mestrado de Especialização Avançada


Candidaturas

Avisos de Abertura


Acreditações

Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior
2017-11-22 a 2023-11-21
Direcção Geral de Ensino Superior
2018-02-05