Mestrado em Segurança Informática

Objetivos do Curso

O MSI visa formação especializada na área da Segurança Informática (Cibersegurança). Dando resposta a um conjunto de iniciativas a nível Internacional e Europeu, no sentido do reforço de competências na área da
Cibersegurança (ex. US Cybersecurity Information Act, EU Directive for Security Across the Union) como forma de suportar o crescimento da economia digital, preservar a privacidade dos cidadãos e combater e prevenir o cibercrime e o ciberterrorismo, o MSI tem os seguintes objetivos:
- Complementar a formação de 1º ciclo, com de competências de conceção, desenvolvimento e avaliação de soluções de Segurança Informática;
- Atualizar e especializar os profissionais já inseridos em ambiente profissional na área da Segurança Informática, nomeadamente os vários cargos da carreira de Oficial de Segurança de Informação;
- Proporcionar formação avançada na áreas da Segurança Informática para os alunos vocacionados para uma carreira científica prosseguir em estudos de programa doutoral.

Condições de Acesso e Ingresso

Serão admitidos no MSI os candidatos que reúnam uma das seguintes condições:
1. Os titulares do grau de licenciado ou equivalente legal em: Engenharia Informática, Ciências da Computação, Comunicações e Multimédia, Engenharia de Sistemas e Informática, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, Engenharia Eletrotécnica e de Telecomunicações; 2. Os titulares do grau de licenciado ou equivalente legal em outras áreas da Engenharia e das Ciências Exatas e Naturais; 3. Os titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de
licenciado numa das áreas referidas nas alíneas anteriores pela Comissão Científica do Departamento de Engenharia Informática; 4. Em casos devidamente justificados, os detentores de um currículo escolar, científico ou
profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pela Comissão Científica do Departamento de Engenharia Informática.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Saídas Profissionais

As saídas profissionais do MSI serão sobretudo as empresas de média e grande dimensão e as multinacionais, dos sectores de TIC, telecomunicações, consultoria, banca e serviços, no Espaço Europeu, onde as necessidades de competências na área da segurança informática são cada vez mais prementes, existindo uma grande carência de profissionais com competências especificas nesta área.
Dada a orientação para o mercado de trabalho do MSI e o seu caráter pós-laboral, pretende-se que uma parte substancial dos alunos estejam já inseridos no mercado de trabalho, procurando uma especialização que lhes permita alcançar outras
funções dentro da empresa.
Pretende-se também que os estudantes do MSI integrem, no âmbito da sua Dissertação/Estágio, equipas de investigação com vista à participação em projetos (nomeadamente em projetos Europeus), promovendo-se assim o emprego científico e a transição dos estudantes para o 3º ciclo de estudos.
A alimentação do mercado de inovação na Região Centro e a nível Nacional e Europeu, através da criação de produtos inovadores e da criação de spin-offs na área da Segurança Informática, será outra das saídas profissionais para os alunos do MSI.

Regime de Estudo

O MSI funciona em modo pós-laboral com as aulas às quintas e sextas de tarde e aos sábados de manhã

Regras de Avaliação

A avaliação das unidades curriculares do MSI será essencialmente realizada sobre duas componentes. As componentes teóricas serão avaliadas através de trabalhos de síntese e/ou da realização de testes e exames. As componentes de práticas
laboratoriais serão avaliadas em regime contínuo, através de trabalhos que poderão ser realizados pelos estudantes remotamente (com apoio do docente) e em modo assíncrono, sendo a discussão dos trabalhos realizada presencialmente. A
unidade curricular de Dissertação/Estágio será avaliada por um júri de pelo menos 3 docentes de acordo com os regulamentos. O método de avaliação de cada unidade curricular bem como os pesos das várias componentes, está descrito
na respetiva ficha de unidade curricular (FUC). A classificação final é traduzida numa escala de 0 a 20 valores.
A avaliação está alinhada com as regras e prodedimentos definidos pelo Regulamento Pedagógico da Universidade de Coimbra

Objetivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver

Espera-se que, ao concluírem o Mestrado em Segurança Informática (MSI), os estudantes possuam os seguintes conhecimentos, aptidões e competências:
- Conhecimento profundo dos aspetos tecnológicos, humanos e organizacionais e relevantes nas diferentes áreas da Segurança Informática.
- Competências de conceção, desenvolvimento e avaliação de soluções de Segurança Informática;
- Aptidão para o desempenho de funções na área da Segurança Informática, nomeadamente os vários cargos e tarefas da carreira de Oficial de Segurança de Informação (Information Security Officer);
- Aptidão para integrar e liderar equipas de projeto de investigação na área da Segurança Informática e de realização de trabalho autónomo de investigação e desenvolvimento de novos conhecimentos na área;
- Conhecimento dos aspetos legais, éticos e deontológicos, relacionados com a Segurança Informática.

Coordenador(es) do Curso

Paulo Alexandre Ferreira Simões
psimoes@dei.uc.pt

Coordenador de mobilidade

João Paulo da Silva Machado Garcia Vilela
jpvilela@dei.uc.pt

Jorge Miguel Sá Silva
sasilva@dei.uc.pt

Reconhecimento da Aprendizagem Prévia

Realizado de acordo com a regulamentação da Universidade de Coimbra, sendo exigida uma formação suficientemente sólida em Informática que seja reconhecida como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos, no âmbito da legislação em vigor. Assinala-se, em particular, o Regulamento de Creditação de Formação Anterior e de Experiência Profissional da Universidade de Coimbra.

Enquadramento Legal da Qualificação

Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de março, alterado e republicado pelo Decreto-Lei n.º 107/2008, de 25 de junho; Portaria n.º 782/2009, de 23 de julho

Requisitos para Obtenção da Qualificação

A conclusão do Mestrado em Segurança Informática depende da aprovação em todas as unidades curriculares previstas no plano de estudos e a realização e defesa com sucesso de uma Dissertação/Estágio.
A conclusão dos 60 ECTS correspondentes ao 1º ano do MSI confere ao estudante um diploma de Curso de Especialização em Segurança Informática (CeSI).

Acesso a um Nível de Estudos Superior

A conclusão com sucesso do MSI dará acesso a cursos de 3º ciclo, nomeadamente ao Programa Doutoral em Ciências e Tecnologias da Informação (PDCTI) do DEI/FCTUC, mediante a verificação das regras de acesso específicas desses ciclos de estudo.

Plano de Estudos

Segurança Informática

Ano lectivo
2018-2019

Tipo de Curso
2º Ciclo - Mestrado de Especialização Avançada

Código DGES: 6955

Qualificação Atribuída: Mestre

Duração: 2 Ano(s)

Créditos ECTS: 120.0

Categoria: Mestrado de Especialização Avançada


Candidaturas

Avisos de Abertura


Acreditações

Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior
2017-04-05 a 2023-04-04
Direcção Geral de Ensino Superior
2017-05-24