a carregar...

Curso de Formação em Educação, Género e Cidadania

Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação

abrir site outros cursos
Ano lectivo

2013-2014

Tipo de Curso

Curso Não Conferente de Grau

Qualificação Atribuída

Diploma/Certificado

Duração

30 HORAS

Créditos ECTS

1.0

Objetivos Gerais do Curso
- Clarificar conceitos fundamentais em torno da promoção da igualdade de género.
- Levar os docentes a compreender o papel fundamental que as questões de género desempenham na socialização das crianças e adolescentes.
- Reflectir em torno das eventuais implicações que as estereotipias de género poderão ter nos percursos de homens e mulheres ao longo do ciclo de vida.
- Promover a sensibilização dos docentes para a integração da dimensão do género como uma temática transversal às diferentes vertentes da prática educativa.
- Dar a conhecer os quatro Guiões de Educação Género e Cidadania (nível pré-escolar; 1º, 2º e 3º ciclos do Ensino Básico).
- Possibilitar a aplicação orientada de uma actividade integrante dos Guiões na prática educativa (em função do nível de escolaridade leccionado) e a respectiva avaliação, em termos do impacto junto das crianças e/ou jovens envolvidos.
- Fomentar a concepção e o desenvolvimento de práticas educativas em nada permeáveis a estereotipias sexistas ou outras, com base nas actividades propostas nos Guiões, em função dos níveis de ensino leccionados e dos interesses/áreas de formação dos/as participantes na formação.
Objetivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver
No final desta Oficina de Formação, espera-se que os/as participantes:
• Sejam sensíveis às temáticas de género na vida quotidiana, em geral, e na prática educativa, em particular, usando as chamadas “lentes de género”.
• Desocultem as estereotipias pessoais na vida diária, associadas à “ordem social de género”.
• Reflictam em torno do papel das estereotipias pessoais na prática profissional.
• Saibam detectar e desconstruir estereotipias veiculadas pelos materiais pedagógicos e pelas práticas educativas.
• Trabalhem as temáticas de género nas suas práticas educativas, através de reflexão individual ou conjunta/debates na turma.
• Promovam nas crianças e adolescentes o desenvolvimento de competências de análise e de reflexão crítica da realidade.
• Fomentem o desenvolvimento de uma verdadeira cidadania desde o ensino pré-escolar em ambos os sexos.
• Aprendam a usar os Guiões de Educação Género e Cidadania, em função dos níveis de ensino leccionados e das áreas de formação respectivas.
• Consigam adaptar as estratégias de acção propostas nos Guiões às suas turmas e níveis de ensino.
Regime de Estudo
Oficina de Formação, com duas sessões presenciais, uma no início e outro no final, com sete horas e meia cada uma, num total de quinze horas. As horas correspondentes ao trabalho autónomo dos/as participantes na oficina de formação serão igualmente quinze
Condições de Acesso e Ingresso

A presente Oficina de Formação destina-se preferencialmente a educadores/as de infância e docentes dos ensinos básico e secundário. No entanto, poderão ser também admitidos outros profissionais com responsabilidades educativas e formativas, como Psicólogos, Licenciados em Ciências da Educação, Assistentes Sociais, Animadores Socioculturais, entre outros.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Enquadramento Legal da Qualificação
Regulamento n.º 339/2012, publicado no Diário da República n.º 152, 2.ª série, de 7 de agosto (Regulamento de Criação e Funcionamento de Cursos não Conferentes de Grau na UC)
Regras de Avaliação e Classificação
A avaliação final por formando é de carácter obrigatório e individual. Os formandos serão avaliados utilizando os parâmetros de avaliação estabelecidos pela DGIDC e respeitando todos dispositivos legais da avaliação contínua.
Cada participante deverá entregar um relatório final individual, que reflicta a aplicação de competências ao contexto (descrição da actividade escolhida dos Guiões, avaliação das práticas desenvolvidas junto das crianças e jovens e grau de interesse quanto à continuidade da utilização destas estratégias na actividade pedagógica de cada formando). Este relatório deverá conter até 10 páginas e ser entregue, no máximo, duas semanas após a conclusão da formação.
Só serão certificados os formandos que entreguem o relatório final individual nos moldes acima descritos e que compareçam às 2 sessões presenciais que totalizam 15 horas.
Requisitos para Obtenção da Qualificação

O curso funcionará em regime de oficina de formação, com duas sessões presenciais (7,5h cada), uma no início e outra no final, havendo 15 horas entre estas duas sessões para trabalho autónomo de aplicação de uma actividade junto de crianças ou jovens e respectiva avaliação.