a carregar...

Mestrado em Psiquiatria Social e Cultural

Faculdade de Medicina

abrir site outros cursos
Ano lectivo

2017-2018

Código DGES

M652

Tipo de Curso

2º Ciclo - Mestrado de Especialização Avançada

Qualificação Atribuída

Mestre

Duração

2 Ano(s)

Créditos ECTS

120.0

Categoria

Mestrado de Especialização Avançada

Coordenador(es) do Curso

Manuel João Rodrigues Quartilho (uc15213@uc.pt)

Coordenador(es) Departamental(ais) ECTS

Marilia Assunção Rodrigues Ferreira Dourado (mdourado@fmed.uc.pt)

Objetivos Gerais do Curso
Com a implementação deste curso, pretende-se que o aluno no final do Curso seja capaz de:
- Conhecer o percurso histórico e as principais referências conceptuais da Psiquiatria Social e Cultural.
- Contextualizar os fatores de stress e as atividades de coping numa relação dialética com fatores sociais e culturais.
- Interpretar os comportamentos parasuicidários à luz da história, da geografia, das sociedades e das culturas.
- Olhar criticamente, numa perspetiva construcionista, para a proliferação contemporânea de diagnósticos psiquiátricos.
- Explorar as controvérsias relacionadas com memória e trauma, com destaque para os aspetos sociais e culturais.
- Sublinhar a importância do estigma associado às doenças mentais, através do tempo histórico, e formas de o atenuar
- Conhecer os rudimentos básicos da história da Psiquiatria em Portugal.
- Apreender noções relevantes sobre sociologia da saúde e da doença, com destaque para os respetivos determinantes sociais e o impacto da desigualdade a nível global.
- Compreender conceitos relacionados com o processo de somatização e idiomas culturais de mal-estar, bem como os efeitos potenciais do processo migratório na saúde mental das populações migrantes, numa perspetiva sociológica e antropológica.
- Conhecer os principais dados da epidemiologia social e cultural, aplicadas à saúde e às doenças.
- Usar e demonstrar a importância das metodologias quantitativa e qualitativa, no processo de investigação.
- Reconhecer a importância e impacto das experiências de adversidade precoce no processo de desenvolvimento individual.
- Explorar uma visão crítica da biomedicina, numa perspetiva antropológica.
- Conhecer e explorar criticamente os estudos atuais, e respetivas conclusões, sobre felicidade e bem-estar subjetivo.
- Demonstrar a importância da espiritualidade e da religião nas suas relações com o sofrimento individual e coletivo.
- Refletir sobre a importância do sofrimento social e da violência nas sociedades contemporâneas.
- Compreender a emergência de novas identidades num panorama de circulação global da informação.
- Entender a sexualidade e os comportamentos sexuais à luz da história, das sociedades e das culturas.
- Entender os processos terapêuticos na diversidade e na complexidade, valorizar competências comunicacionais e culturais.
- Demonstrar uma relação entre lugares, saúde e qualidade de vida.
Regime de Estudo
Diurno
Acesso a um Nível de Estudos Superior
O Mestrado em Psiquiatria Social e Cultural dá acesso ao 3º ciclo de estudos.
Condições de Acesso e Ingresso

1 - Podem candidatar-se ao acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de mestre:
a) Titulares de licenciatura, mestrado integrado, ou habilitação legalmente equivalente, em Medicina, Psicologia, Serviço Social, Enfermagem, Sociologia e Antropologia ou outras licenciaturas afins consideradas relevantes pelo Conselho Científico da FMUC;
b) Titulares de um grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo, nas áreas referidas na alínea a);
c) Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objectivos do grau de licenciado pelo órgão científico estatutariamente competente do estabelecimento de ensino superior onde pretendem ser admitidos;
d) Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico estatutariamente competente do estabelecimento de ensino superior onde pretendem ser admitidos.
2 - O reconhecimento a que se referem as alíneas b) a d) do n.º 1 tem como efeito apenas o acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de mestre e não confere ao seu titular a equivalência ao grau de licenciado ou o reconhecimento desse grau.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Reconhecimento da Aprendizagem Prévia
Aplica-se o disposto no Artigo 45º do Decreto –Lei nº 74/2006, de 24 de Março, com a redacção que lhe foi dada pelo DL nº107/2008, de 25 de Junho.
Enquadramento Legal da Qualificação
A qualificação tem enquadramento no Decreto-Lei n.º 74/2006, de 24 de Março, alterado e republicado pelo DL n.º 107/2008, de 25 de Junho; Portaria n.º 782/2009, de 23 de Julho
Saídas Profissionais
O mestrado pretende criar as condições para o desenvolvimento de uma formação diferenciada que dote os alunos com competências na área da Psiquiatria. Pretende-se também que este Mestrado promova um aumento na qualidade do exercício profissional, científico e investigação nas diferentes áreas que abrange.
Regras de Avaliação e Classificação
1 — A classificação das unidades curriculares do ciclo de estudos de mestrado em Psiquiatria Social e Cultural é quantitativa e expressa numa escala de 0 a 20 valores.
2 — A reprovação em qualquer uma das unidades curriculares impossibilita a continuidade para o 2.º ano do curso de mestrado.
Requisitos para Obtenção da Qualificação

Este Mestrado organiza-se pelo sistema de unidades de créditos (European Crédit Transfer System – ECTS), de acordo com o Decreto-Lei 42/2005, de 22 de Fevereiro e tem a duração de 4 semestres e um total de 120 ECTS. A aprovação em todas as disciplinas da componente letiva do Mestrado, num total de 60 ECTS confere direito a um diploma de Pós-Graduação em Psiquiatria Social e Cultural. Este 1º ano de Mestrado será necessário para garantir as componentes teóricas, que permitam desenvolver o trabalho de investigação conducente à elaboração da dissertação, a apresentar no 2º ano do presente ciclo de estudos. Este total de 60 ECTS, confere ao aluno um diploma de Curso de Pós-Graduação /especialização, conforme o artigo 20 do Decreto-Lei 74/2006 de 24 de Março.
Como resultado, o presente ciclo de estudos terá uma duração de 4 semestres, o que se enquadra na duração prevista na legislação do 2º ciclo de estudos.

Plano de Estudos
Avisos de Abertura
Calendário
1º Semestre
Data de início: 04-09-2017
Data de fim: 15-12-2017
2º Semestre
Data de início: 05-02-2018
Data de fim: 30-05-2018
Acreditações
- A3ES
Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior
Período(s)
  • 2012-08-11 a 2018-08-10
R/A-Cr 170/2012 - DGES
Direcção Geral de Ensino Superior