a carregar...

Doutoramento em Governação, Conhecimento e Inovação

Faculdade de Economia

abrir site outros cursos
Ano lectivo

2017-2018

Código DGES

5173

Tipo de Curso

3º Ciclo - Doutoramento

Qualificação Atribuída

Doutor

Duração

4 Ano(s)

Créditos ECTS

240.0

Propina Anual

2000.0 €

Coordenador(es) do Curso

João Carlos Freitas Arriscado Nunes (janunes@fe.uc.pt)

José Joaquim Dinis Reis (jreis@fe.uc.pt)

Tiago Tavares Santos Pereira (tsp@ces.uc.pt)

Objetivos Gerais do Curso
O DGCI tem por objetivo desenvolver novos conhecimentos e competências de investigação e de análise crítica dos doutorandos sobre um conjunto de temas centrais na governação das sociedades e das economias contemporâneas.
A noção de que a governação se tornou extraordinariamente complexa e é um processo multidimensional que mobiliza vários mecanismos de coordenação – Estado, mercado, comunidade, redes, conhecimento, empresas e hierarquias empresariais – é aqui de importância central. Estas interações são analisadas com duas diferentes abordagens (dois perfis do programa): a produção, circulação e utilização de conhecimentos e a dinâmica institucional da economia e das políticas públicas; e a análise dos processos de co-produção entre conhecimento, tecnologia e sociedade, dos seus impactos e do modo como diferentes modos de governação contribuem para identificar estes processos e mitigar os seus impactos. Procura-se um diálogo enriquecedor entre as duas abordagens, com seminários comuns, e valorizam-se novas relações disciplinares e formas inovadoras de produção de saberes nas disciplinas.
Objetivos da Aprendizagem e Competências a Desenvolver
Os estudantes irão desenvolver competências de análise de políticas públicas, em dois grandes campos. Por um lado, os estudantes desenvolvem competências para a análise das instituições e da sua relação com a evolução económica, identificando economias políticas e as suas variedades institucionais e discutindo problemas da incerteza, dos custos de transação ou da abordagem contratualista, bem como as diferentes formas de governação subjacentes e correspondente relação entre atores. Por outro lado, os estudantes desenvolvem capacidades de análise crítica dos processos de co-produção de conhecimento e sociedade, e dos seus impactos, em particular no contexto de controvérsias socio-técnicas, identificando os discursos dominantes e alternativos e diferentes formas de conhecimento. Os estudantes irão adquirir ferramentas de avaliação de políticas públicas, mapeamento de controvérsias e de dinamização de formas de participação pública e irão desenvolver competências avançadas de trabalho interdisciplinar.
Regime de Estudo
Parte letiva: Regime de tempo integral / Presencial / Diurno | Tese: Regime de tempo integral ou de tempo parcial / Trabalho individual com reuniões regulares
Acesso a um Nível de Estudos Superior
Os/As doutorados/as ficam em condições de aceder a formação pós-doutoral, nomeadamente na área da Economia ou da Sociologia, mas também em outras áreas das ciências sociais, tendo em conta a formação interdisciplinar de que beneficiam no programa.
Condições de Acesso e Ingresso

1- Podem candidatar-se ao acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de doutor:
a) Titulares do grau de mestre ou equivalente legal;
b) Titulares do grau de licenciado/a, detentores/as de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo conselho científico da Faculdade de Economia;
c) Detentores/as de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo conselho científico da Faculdade de Economia.
2 - O reconhecimento a que se referem as alíneas b) e c) do n.º 1 tem como efeito apenas o acesso ao ciclo de estudos conducente ao grau de doutor e não confere ao seu titular a equivalência ao grau de licenciado, mestre ou o reconhecimento desse grau.

A informação disponibilizada não dispensa a consulta do Aviso de Abertura disponível nesta página.

Reconhecimento da Aprendizagem Prévia
É possível o reconhecimento da aprendizagem prévia de acordo com o Regulamento de Creditação de Formação Anterior e de Experiência Profissional da Universidade de Coimbra.
Enquadramento Legal da Qualificação
DL 74/2006, de 24 de março, alterado pelo DL 107/2008, de 25 de junho, e pelo DL 230/2009, de 14 de setembro, e pelo DL 115/2013 de 7 agosto.
Saídas Profissionais
Os/As doutorados/as em Governação, Conhecimento e Inovação encontram-se habilitados/as para o exercício de funções múltiplas e diversas no âmbito da administração pública, de empresas, de associações e organizações não-governamentais, bem como instituições de ensino e investigação, na área da Economia ou da Sociologia, nomeadamente sobre políticas de governação económica, conhecimento, inovação e de participação cidadã.
Regras de Avaliação e Classificação
Aplica-se o disposto na regulamentação da Universidade de Coimbra relativa aos 3.ºs ciclos, em particular o Regulamento Pedagógico da UC e as Normas Gerais de Avaliação da FEUC.
É obrigatória a presença nas unidades curriculares letivas exceto em situações muito pontuais e de carácter excecional e desde que devidamente autorizadas pela coordenação do Programa.
Requisitos para Obtenção da Qualificação

O Programa conduz à obtenção do grau de Doutor em Governação, Conhecimento e Inovação, na área científica de Economia ou de Sociologia pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. A primeira área corresponde à frequência do Ramo ‘Economia Política do Conhecimento e das Instituições’ e elaboração da tese com um tema de estudos económicos. A segunda área corresponde à frequência do Ramo ‘Estudos Sociais da Ciência e Tecnologia’ e elaboração da tese com um tema de estudos sociológicos.
O Programa decorre ao longo de 4 anos, sendo a parte letiva, ao longo do 1.º ano, composta por seis seminários semestrais, com 45 horas cada (4 comuns aos dois ramos e outros 2 associados a cada um dos ramos), para um total de 60 ECTS. O 1.º semestre do 2.º ano de formação é dedicado a seminários preparatórios da tese, sendo constituído por um ‘Seminário de Investigação em Economia e Sociologia’ (15 ECTS), e por um ‘Seminário de Metodologia da Economia e Sociologia’ (15 ECTS). A aprovação do projeto de tese, no âmbito do ‘Seminário de Investigação em Economia e Sociologia’, é condição necessária para a inscrição na unidade curricular ‘Tese’. A preparação da tese de doutoramento inicia-se assim no 2.º semestre deste 2.º ano, e prolonga-se por mais 2 anos. O grau de Doutor obtém-se com a defesa pública da Tese de Doutoramento, perante um júri constituído de acordo com o Regulamento Académico da Universidade de Coimbra.
Será atribuído um Diploma de Especialização Avançada em Governação, Conhecimento e Inovação aos/às estudantes que concluam o 1.º ano letivo do ciclo de estudos (60 ECTS).

Plano de Estudos
Percursos
Avisos de Abertura
Calendário
1º Semestre
Data de início: 11-09-2017
Data de fim: 21-12-2017
2º Semestre
Data de início: 05-02-2018
Data de fim: 30-05-2018
Acreditações
- A3ES
Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior
Período(s)
  • 2014-08-21 a 2020-08-20
R/A-Ef 1600/2011 - DGES
Direcção Geral de Ensino Superior
Período(s)
  • 2011-03-18